Renda Fixa

Investimentos em Renda Fixa são aplicações financeiras onde é possível saber (ou ao menos tentar prever) a rentabilidade dessa aplicação no futuro, com base no prazo de investimento e na taxa aplicada. Como o próprio nome já diz, você ganha uma remuneração fixa durante um determinado período, entretanto, poderá haver oscilações nas taxas conforme o tempo passa, podendo mudar a rentabilidade dos títulos, como por exemplo, a variação no CDI. As oscilações nas taxas atreladas à inflação ou até mesmo na taxa SELIC, podem modificar e muito a rentabilidade de alguns títulos, como a NTN-B, por exemplo.


Há duas modalidades em Renda fixa:


Pré-fixada: onde o investidor conhece previamente a rentabilidade (nominal) do título no momento da compra.
Pós-fixada: onde o investidor só saberá a rentabilidade da aplicação na data do vencimento do título, variando conforme as oscilações das taxas de juros das quais os títulos estão atrelados.


Geralmente, investimentos em renda fixa estão associados à segurança e despreocupações devido ao fato de que não se perde dinheiro aplicando em renda fixa. Porém, isso não é totalmente verdade. Como em qualquer outro investimento, é possível sim ter perdas, inclusive do montante total investido. Imagine que você compre uma debênture de uma empresa e ela não honre os pagamentos e declara falência. Se ela não tiver ativos suficientes para vender e pagar seus credores, existe grandes chances de você não reaver seu dinheiro.


Outro exemplo é se você comprar um título público pré-fixado – LTN, por exemplo – e durante o prazo de aplicação, a taxa Selic comece a subir. Nesse caso, você começa a perder dinheiro, pois seu título renderá menos do que se você fizesse uma nova aplicação. Contudo, se você carregar o título até o seu vencimento, ele renderá a taxa contratada.


Embora esses casos sejam reais, investir em Renda Fixa significa correr menos riscos do que Renda Variável, sendo indicado para pessoas que não toleram muito risco, mas querem remunerar seu dinheiro de alguma maneira e de forma crescente.


Aqui no site Ynvestimentos você aprenderá sobre as diversas modalidades de investimentos em renda fixa disponíveis no Brasil. Diversificar as aplicações, aplicar com segurança e garantia, evitar taxas e tarifas e buscar as melhores rentabilidades são tarefas difíceis ao investidor comum, mas são determinantes para minimizar o risco e maximizar o retorno dos títulos. Confira a seguir as principais modalidades de investimentos em renda fixa no Brasil:



cri

Certificados de Recebí­veis Imobiliários – CRI

Certificados de Recebí­veis Imobiliários – CRI 1. O que é? O certificado de recebíveis imobiliários – CRI é um título de renda fixa baseado em créditos imobiliários. Elas são devidamente cadastradas na CVM e...

vgbl

VGBL X PGBL

VGBL X PGBL 1. O que é? Tanto o PGBL quanto o VGBL são planos de previdência privada. PGBL significa plano gerador de benefício livre e VGBL quer dizer vida gerador de benefício livre....

notas-promissorias

Notas Promissórias

Notas Promissórias Notas Promissórias 1. O que é? As notas promissórias, também conhecidas como commercial papers, são títulos privados de curto prazo emitidos pelas empresas para financiar seu capital de giro, como a compra...

letras-de-cambio

Letra de Cambio

letra de cambio 1. O que é? Letra de câmbio é um instrumento de captação tradicional usado pelas financeiras (sociedade de crédito, financiamento e investimento) para captar recursos no mercado e emprestar a seus...

titulos-publicos

Tí­tulos Públicos

Tí­tulos Públicos 1. O que é? Um título público é um ativo emitido pelo governo, onde seus rendimentos podem ser pré-fixados ou pós-fixados, e seu principal objetivo é prover recursos necessários para os pagamentos...

letras-hipotecarias

Letras Hipotecárias

1. O que é? As letras hipotecárias são títulos de renda fixa emitida pelas instituições financeiras autorizadas a conceder créditos hipotecários. São emitidas com base em lastro de créditos garantidos por hipoteca de primeiro...

debenture

Debêntures

1. O que é? Debênture é um título privado, de renda fixa, onde seu principal objetivo é captar recursos (levantar dinheiro), para financiar projetos de investimentos das empresas ou para alongar o perfil do...

operacoes-compromissadas

Operações Compromissadas

Operações Compromissadas 1. O que é? Operação compromissada é aquela em que o vendedor assume o compromisso de recomprar os títulos que “emprestou” em uma data futura pré definida e com o pagamento de...

lca

Letra de Crédito Agrícola – LCA

1. O que é? A letra de crédito agrícola – LCA é um título de crédito, emitido por instituições financeiras públicas ou privadas (bancos), que tem como objetivo ampliar os recursos disponíveis ao financiamento...

cdb

Certificado de Depósito Bancário – CDB

1. O que é? CDB significa Certificado de Depósito Bancário. RDB significa Recibo de Depósito Bancário. Eles são emitidos pelos bancos, registrados na Central de Custódia de Títulos Privados (Cetip) e vendidos ao público...